<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d5923387\x26blogName\x3dO+Zarolho\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://ozarolho.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://ozarolho.blogspot.com/\x26vt\x3d-6282572656080944474', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

O Zarolho

31 janeiro 2004

relíquia digital

Não sei como é com vocês, mas travo grandes batalhas com os motores de busca. Tenho grande respeito pelo meu adversário, especialmente pelo Sr. MaGoogle.
Esta, ganhei!
O meu troféu é a primeira história do Superman. 1938!

posted by Dimitri Apalpamos @ 4:12 da tarde,




voz off

Pergunta:
Se a voz está desligada, porque raio a conseguimos ouvir?

posted by Dimitri Apalpamos @ 3:06 da manhã,




30 janeiro 2004

"As autoridades da segurança baixaram as calças face à ameaça portista"
por Dias da Cunha

Um chui vergado e a ser sodomizado por trás, é uma imagem bonita de se ver...

posted by Dimitri Apalpamos @ 2:46 da tarde,




28 janeiro 2004

Os calendários

Não é querer estar a parecer um velho...mas isto realmente está diferente.
Vocês tem dado umas voltas pelas oficinas dos vossos carros?
Não notam nada de diferente? Não falta nada?
No meu falta! Fui agora lá e o gajo andava cabisbaixo. Perguntei-lhe «então o que é que se passa? É a crise, não é?»
O homem respondeu de imediato «Qual crise qual carapuça. Já não me enviam calendários de jeito. Para é que eu quero um calendário com paisagens? Já não bastava estas novas lojas de mecânica nos parques de estacionamento dos centros comerciais...»
Depois reparei. Ele tinha razão. Os calendários existentes eram de outro tempo. Nota-se logo. Se não for pelas cores comidas pelo sol, é pelos cortes púbicos e capilares completamente desactualizados.
Onde andam os calendários das gajas nuas?

posted by Dimitri Apalpamos @ 3:37 da tarde,




Dão-se alvísseras a quem encontrar o jet set Português.

Não sei onde andam os nossos famosos. E isso assusta-me! Com a quantidade de rabetas que saltitam por aqui e por ali, preocupa-me o facto, de a qualquer momento, aparecer assim um qualquer Eduardo Beauté ou um José Castelo Branco por trás a dizer «cucu»!
Era muito mais fácil antigamente. Os senhores, agora com esta história da peidofilia, lembraram-se de se querer misturar com o povo, para passarem despercebidos.
'Da-se!!! Vai lá vai...até a barraca abana!

p.s.
Peço desculpa por esta última expressão. Não sei o que me deu...


posted by Dimitri Apalpamos @ 10:57 da manhã,




25 janeiro 2004

1986

Se há ano que tenho gravado na memória é o de 1986!
São recordações espectaculares.
Comecemos:
- Mexico '86 - Argentina campeã; "Naranjito"; Mão de Deus; Melhor jogo da década
- Sandra Kim - Vencedora do Festival da Eurovisão - "J'aime la Vie"
- Alain Prost - Campeão do Mundo de Fórmula 1
- O meu primeiro grande concerto (RTP1) - Queen em Wembley
- Entrada de Portugal na CEE

Granda ano!!!

posted by Dimitri Apalpamos @ 5:26 da manhã,




20 janeiro 2004

Divinal

Não me perguntem como é que fui lá parar, mas fui...
Numa das minhas viagens na net deparei-me com uma personagem que desconhecia. André Neves Bento.
Tem uma das páginas portuguesas mais incríveis que já vi.
Nem tenho palavras para descrever....
As fotos das suas férias...Meu Deus...

posted by Dimitri Apalpamos @ 5:41 da tarde,




16 janeiro 2004

Os baralhados do costume

Existem Portugueses no estrangeiro que andam a difamar o bom nome de Portugal.
Primeiro foi o António Damásio a insultar Descartes. «Penso logo existo» sempre foi uma das minhas tiradas de génio para explicar o que percebo de filosofia. E agora? digo o quê?
Agora aparece-me um tal de João Magueijo que diz que «a velocidade da luz...é variável». Seguindo as teorias de Descartes, se o que este gajo diz é verdade, logo o Einstein estava errado.
Cambada de reaccionários! Devem andar doidos!
Só faltava virem para aí com teorias lá de fora, de que Santana Lopes é um bom candidato a Presidente da República.

posted by Dimitri Apalpamos @ 2:06 da manhã,




15 janeiro 2004

Murmuros....

Não sei se já repararam, mas a maior parte das mulheres em Portugal, murmura.
Surge sempre, nas conversa femininas, aquele momento, em que baixam o tom de voz e dizem qualquer imperceptível. Geralmente entendemos que aqueles sopros, são coscuvelhices maldosas.
Vai daí, há constantemente a presença de uma alma parva que não percebe e diz: «vá lá, não ouvi...» - que significa - «diz essa merda em voz alta que a gaja não tá cá.»
O pedido está feito e, a pedido já não há mal em contar ( isto na cabeça delas porque se confrontadas, ripostam logo que a não sei quantas também já desconfiava).
E conta que conhece uma colega da Carla( tu sabes... aquela....) que viu o namorado da Jacinta a pôr-lhe os cornos, no cinema e com uma loira.
Gostava de saber, quantas vezes já ouvi logo a seguir: «É bem feita!» ou « Não sabias, toda a gente sabe».
Só existe um tipo de murmuro que aceito. São aqueles que se referem a doenças ou acidentes. É pá.........é que dá azar.

posted by Dimitri Apalpamos @ 1:49 da manhã,




Algo está diferente. Não notam? São mesmo estúpidos...

posted by Dimitri Apalpamos @ 1:35 da manhã,




12 janeiro 2004

Arte urbana

Isto está tudo a mudar, podem crer!
Cada vez mais se acentua o abandono de antigos rituais citadinos. Rituais esses que davam cor e vida, ainda que pendularmente, aos cantos escuros e esquecidos de todas as cidades, vilas e até aldeias de todo o Portugal. Hoje esses mesmos cantos estão ocupados por todo o tipo de lixo (drógádos, brasileiras carentes, a Manuela Ferreira Leite, ...).
Estou a referir-me aos mijões de Portugal! Com a proliferação cancerígena dos cafés, aliado às condições sanitárias a estes imposta por legislação «ambiental», deixou-se de habitar estes espaços mortos da cidade. Passou-se a usar lavabos públicos, que nojo! Antigamente, aquele era o meu local do alívio, e ali era o teu. Não tinha nada que enganar. Era até mais higiénico, corria uma aragem. Não percebo.

pensamento da treta:
Quando for mais velho quero ter um corte de cabelo igual ao do José Cid.

posted by Dimitri Apalpamos @ 1:56 da manhã,




08 janeiro 2004

«Ano novo, vida nova»

Todos os santos anos, tenho de ouvir o povão dizer: «para o ano é que é. no dia 1 vou deixar de fumar.» ou «para o ano vou começar a fazer abdominais todas as manhãs». Isto dito a meses de distância ou mesmo na euforia dos copos e comida na consoada, soa sempre bem. Mas porquê dia 1 de Janeiro? Tem de ser neste dia? É feriado, tudo está fechado, a cabeça ,devido à noite anterior, é enorme e a mim neste dia não apetece fazer nada a não ser beber chá e torradas.
Só se fazem estas promessas porque ninguém virá cobrá-las. Não se cumprem mas não faz mal. O ano até é bem grande e se não começar hoje, pode-se sempre começar para a semana.
Acho que a vida de Primeiro Ministro é um grande ano novo todos os dias.

posted by Dimitri Apalpamos @ 2:51 da tarde,




03 janeiro 2004

500 visitantes

Passados 83 dias consegui atingir os 500 visitantes, o que significa que, por dia apenas seis pessoas lêem este blog. Retirando eu, o meu pai, e dois amigos meus significa que tenho aproximadamente 2 gajos que eu não conheço de lado nenhum que também veem cá. Apresentem-se!
E já agora ensinem-me a inserir fotografias.

Bom ano

posted by Dimitri Apalpamos @ 2:31 da manhã,